???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/12280
Tipo do documento: Dissertação
Título: Frequência fundamental em um grupo de crianças mineiras na faixa etária entre 8 e 10 anos
Título(s) alternativo(s): Fundamental frequency in a group of children from Minas Gerais aged in between 8 and 10 years old
Autor: Catisani, Fernanda 
Primeiro orientador: Andrada e Silva, Marta Assumpção de
Resumo: IINTRODUÇÃO: a faixa etária, entre 8 e 10 anos, é responsável pela maior incidência de alterações vocais. Dessa maneira, é importante a busca de uma padronização para os parâmetros acústicos da voz infantil, uma vez que esses podem auxiliar no diagnóstico da alteração de voz. OBJETIVO: investigar os valores da freqüência fundamental (f0) em um grupo de crianças mineiras, de ambos os sexos, nas faixas etárias entre 8 e 10 anos, sem alteração vocal percebida auditivamente. MÉTODOS: foram gravadas 251 crianças, de ambos os sexos, entre 8 e 10 anos de idade. Das quais foram excluídas: 43 por apresentarem alteração vocal, segundo a escala GRBASI e 9 por serem consideradas sujeitos outliers conforme a estatística. A amostra do estudo foi composta por 199 crianças, 104 meninos e 95 meninas. Para análise foi gravado: vogais [a, ε, i] sustentadas, fala encadeada (contagem) e narração (fala semi-dirigida) de um livro infantil sem texto. A narração permitiu aferição da f0 por meio da repetição do vocábulo /amarelo/, com a seleção de 6 pulsos periódicos do segmento [a]. Para a análise acústica foi utilizado o software PRAAT 4.7 (versão 5,0). RESULTADOS: a amostra geral apresentou valores da f0 de 235,51 Hz, 233,92 Hz para meninos e 237,25 Hz para meninas. Ao estratificar as idades, 8, 9 e 10 anos, das crianças, os meninos apresentaram, para cada faixa etária, respectivamente 242,20 Hz, 236,72 Hz e 225,88 Hz. Nas meninas foram encontrados 241,61 Hz para 8 anos, 233,88 Hz para 9 e 238,63 Hz para 10. Não houve diferença estatisticamente significante da f0 em relação ao sexo e a idade. Entretanto, ao se comparar as idades no mesmo sexo, verificou-se a ocorrência de diferença estatisticamente significante no sexo masculino para as faixas etárias de 8 e 10 anos. Também, foi possível constatar, que as meninas apresentaram valores de f0 mais elevados que os meninos. Assim como, o decréscimo de f0 com o aumento da idade em ambos os sexos. Os resultados foram condizentes com a média encontrada na literatura nacional e internacional de 236 Hz e 237 Hz. CONCLUSÃO: no grupo pesquisado de crianças, foram obtidos valores esperados de f0 para cada faixa etária. Não foram encontrados valores, estatisticamente significantes, entre os sexos e as idades. Embora, tenha sido verificada a redução dos valores da freqüência fundamental com o aumento da idade
Abstract: INTRODUCTION: the age group in between 8 and 10 years of age is responsible for the highest incidence of voice disorders. Thus, it is important to attempt to find a pattern for acoustic parameters of children s voices, since these parameters may aid in the diagnosis of vocal disorders. AIM: to investigate the fundamental frequency (f0) values in a group of children from Minas Gerais, of both sexes, in between 8 and 10 years of age, without vocal disorder, as perceived through perceptual-auditory assessment. METHODS: in this study, 251 children of both sexes, in between 8 and 10 years of age were recorded. Of these, 43 were excluded from the study as they presented vocal disorders according to evaluation by the GRBASI scale, and 9 others were excluded for being considered outliers by statistical analysis. The final sample in this study was composed of 199 children, 104 boys and 95 girls. The material recorded for analysis was: sustained vowels [a, ε, i], chained speech (counting) and story-telling (semi-directed speech) from a children s book without words. The story-telling allowed for f0 assessment through the repetition of the word /amarelo/, with the selection of 6 periodic pulses of the segment [a]. Acoustic analysis was performed using software PRAAT 4.7 (version 5.0). RESULTS: the overall sample showed f0 values of 235.51 Hz, 233.92 Hz for the boys and 237.25 Hz for the girls. When stratifying ages 8, 9 and 10 the results for the boys in each age group were, respectively, 242.20 Hz, 236.72 Hz and 225.88 Hz. For the girls the results were 241.61 Hz for the 8-year olds, 233.88 Hz for 9 and 238.63 Hz for 10- year olds. There was no statistically significant difference between sex and age. However, when comparing ages within the same sex, there was a statistically significant difference between boys aged 8 and 10. Moreover, it was observed that girls have higher f0 values than boys, and that there is a decrease in f0 as age progresses in both sexes. The results were in agreement with the mean values found in national and international Literature, which are 236 Hz and 237 Hz. CONCLUSION: in the studied group of children, the expected f0 values were obtained for each age group. There were no statistically significant values of differences between sexes and age groups. However, there was a reduction in f0 values with the increase in age
Palavras-chave: Acústica
Voz
Acoustics
Voice
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::FONOAUDIOLOGIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Fonoaudiologia
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Fonoaudiologia
Citação: Catisani, Fernanda. Frequência fundamental em um grupo de crianças mineiras na faixa etária entre 8 e 10 anos. 2010. 81 f. Dissertação (Mestrado em Fonoaudiologia) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2010.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/12280
Data de defesa: 27-Jul-2010
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Fonoaudiologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Fernanda Catisani.pdf1,42 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.