???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/12269
Tipo do documento: Dissertação
Título: Estudo da audição em um grupo de ferroviários do Estado de São Paulo
Título(s) alternativo(s): Hearing in a group of railroad state of São Paulo
Autor: Costa, Katarine Menezes da 
Primeiro orientador: Russo, Ieda Chaves Pacheco
Resumo: Introdução: Toda população direta ou indiretamente depende dos transportes públicos para a melhoria do trânsito e, com o crescimento acelerado das grandes cidades, só e possível atender essa demanda, por intermédio do transporte ferroviário. No desemprenho de sua função estes profissionais podem apresentar diversos problemas de saúde e dentre eles, a deficiência auditiva. Objetivo: Este trabalho visa estudar a prevalência de alterações auditivas em um grupo de ferroviários do Estado de São Paulo e verificar a relação entre os resultados da avaliação audiométrica e hábitos de lazer desta população. Método: Foram avaliados 98 trabalhadores ferroviários, do sexo masculino, com idade entre 18 e 50 anos e com o tempo de profissão entre dez e 25 anos. Os sujeitos responderam a uma anamnese e realizaram uma audiometria tonal. Os audiogramas foram classificados segundo o critério de grupos sugerido por Fiorini (1994). Resultados: Do total de exames realizados, 57 sujeitos (58,2%) apresentaram audiogramas dentro dos padrões de normalidade (Grupo 1) e 41 sujeitos (41,8%) foram classificados como tendo audiogramas sugestivos de PAIR (Grupo 2). Dentre os 57 audiogramas do Grupo 1 (100%), 32 (56,1%) foram classificados como dentro dos padrões de normalidade, com entalhe unilateral; 18 (31,6%) foram classificados como dentro dos padrões de normalidade, com entalhe bilateral e 7 (12,3%) apresentaram audiograma dentro dos padrões de normalidade. Dos 41 audiogramas do Grupo 2 (100,%), 32 (78%) foram sugestivos de PAIR bilateral e 9 (22%) de PAIR unilateral, sendo que as orelhas contralaterais apresentaram audição dentro dos padrões de normalidade. O maior comprometimento auditivo foi encontrado nas frequências de 4 kHz e 6kHz. As variáveis qualitativas: tempo de profissão (0,022) e exposição anterior a ruído (0,046) influenciaram estatisticamente os resultados da avaliação audiométrica. Conclusões: A prevalência de alterações auditivas na população estudada foi de 41,8% e não houve diferença estatisticamente significante entre os resultados da avaliação audiométrica e os hábitos de lazer
Abstract: Introduction: The whole population depends direct or indirectly on public transportation for the improvement of the traffic and, with the accelerated growth of the big cities, it is only possible to supply this demand, by means of rail transportation. While performing their roles, these professionals, may present many health problems including hearing disabilities. Objective: This body of work was aimed at studying the prevalence of hearing alterations in a group of rail workers in the State of São Paulo. Method: 98 male rail workers, aged between eighteen and fifty years old and who had been working in the profession from ten to twenty-five years, were evaluated. The subjects replied to an anamnesis and the tonal audiometric were performed. The audiograms were classified according to the group criteria suggested by Fiorini (1994). Results: From the total number of exams performed, 57 subjects (58,2%)have audiograms within normal parameters (Group 1) and 41 subjects (41,8%) were classified as having audiograms that suggest Noise Induced Hearing Loss (NIHL) (Group 2). From 57 audiograms in group 1 (100%), 32 (56,1%) were classified within normal parameters, with unilateral etchings; 18 (31,6%) were classified within normal parameters, with bilateral etchings and 7 (12,3%) have shown audiograms within normal parameters. From 41 audiograms group 2 (100%), 32 (78%) have suggested bilateral NIHL and 9 (22%) have suggested unilateral NIHL, considering that the contra lateral eras have presented hearing within the normal parameters. The major hearing endangerment was found in the frequencies of 4 kHz and 6 kHz. The qualitative variables: time in the profession (0,022) and previous exposure to noise (0,046) have statistically influenced the results of the audiometric evaluation. Conclusions: The prevalence of hearing alterations within the studied population was of 41,8% and there were no statistically significant differences among the results of the audiometric evaluation and the leisure habits
Palavras-chave: Ferroviários
Hearing
Noise induced hearing loss
Occupational health
Railroad
Audicao
Ferroviarios
Perda auditiva produzida por ruido
Saude ocupacional
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::FONOAUDIOLOGIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Fonoaudiologia
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Fonoaudiologia
Citação: Costa, Katarine Menezes da. Hearing in a group of railroad state of São Paulo. 2010. 68 f. Dissertação (Mestrado em Fonoaudiologia) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2010.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/12269
Data de defesa: 10-May-2010
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Fonoaudiologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Katarine Menezes da Costa.pdf733,58 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.