???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/12256
Tipo do documento: Dissertação
Título: Análise de reprodutibilidade da autorreferência de características vocais do questionário Condições de Produção Vocal CPV
Título(s) alternativo(s): Reproducibility analysis of self-reference of vocal characteristics in the Conditions of the Vocal Production CPV Questionnaire
Autor: Esteves, Adriana Aparecida Oliveira 
Primeiro orientador: Ferreira, Léslie Piccolloto
Resumo: INTRODUÇÃO: No Brasil, não existem instrumentos para avaliar a condição de produção vocal do professor, devido a isto, desde 1999, vem sendo construído um instrumento, a partir das queixas destes profissionais, que se propõe a suprir esta necessidade. Para tanto, é necessário constatar a reprodutibilidade da autorreferência da dimensão dos aspectos vocais do questionário denominado Condições de Produção Vocal do Professor (CPV-P). Verificar se um participante ao relatar que possui sintomas como: rouquidão, cansaço ao falar, falha na voz, entre outros, irá confirmar estas queixas vocais em um determinado tempo depois. OBJETIVO: Avaliar a reprodutibilidade das questões referentes à dimensão vocal, que fazem parte do instrumento CPV-P. MÉTODO: Foi realizado um estudo transversal observacional com o objetivo de proceder ao teste de reprodutibilidade de uma das dimensões do instrumento. A amostra foi por conveniência, recrutada de forma seqüencial, entre professoras com distúrbio de voz que procuraram tratamento fonoaudiológico em um hospital público da cidade de São Paulo. O questionário foi preenchido, em dois momentos, com intervalo de 15 dias entre as aplicações. As variáveis foram analisadas de forma descritiva e comparadas quanto à situação teste-reteste, por meio do teste Kappa (p <0,05), a fim de avaliar a concordância entre os resultados das duas aplicações do instrumento. RESULTADOS: A população foi composta por 36 professoras da rede municipal de São Paulo, a maioria casada (47,2%), com escolaridade superior (91,7%), entre 11 e 20 anos de profissão (55,7%), que leciona em educação infantil (61,1%), mais de 40h semanais (27,8%), em apenas uma escola (58,3%) e com classe definida (80,6%). Em relação aos sintomas vocais, a maior medida de confiabilidade foi voz grossa (k = 0,74) e a menor, rouquidão (k = 0,52). Quanto às sensações laringofaríngeas, a medida que apresentou maior índice de confiabilidade foi dor ao falar (k = 0,59) e a menor, o pigarro (k = 0,36). Em hábitos vocais no trabalho, o que apresentou maior medida de confiabilidade foi beber água durante a aula (k = 0,88) e o que registrou menor medida de confiabilidade foi falar em lugar aberto (k = 0,41). Nos aspectos vocais de natureza diversa, o maior índice de confiabilidade registrado foi faltar ao trabalho por problemas de voz (k = 0,86) e o que apresentou menor índice foi ter recebido orientação sobre saúde vocal (k = 0,54). CONCLUSÃO: Os resultados indicaram que a dimensão dos aspectos vocais do questionário (CPV-P) obteve, no estudo de reprodutibilidade teste-reteste, nível de concordância entre regular e ótimo. A maioria dos coeficientes Kappa, para os itens analisados do questionário, foram acima de 0,50 e os resultados indicaram que estes e sintomas/sensações e hábitos são confiáveis para uso em estudos epidemiológicos
Abstract: INTRODUCTION: In Brazil, there aren t any instruments to evaluate the condition of teacher s voice production. Due to this, since 1999, an instrument has been being built according to the complaints of these professionals, and proposes to fulfill this necessity. To do so, it is necessary to check the reproducibility of the self-reference of the dimension of the vocal aspects in the questionnaire named Conditions of the Teacher s Vocal Production (CPV-P). Verify if a participant when stating that he has symptoms such as: hoarseness, tiredness when speaking, flaw in voice, among others, will confirm these vocal complaints a while later. OBJECTIVE: Evaluate the reproducibility of the questions regarding vocal dimension that are part of the instrument CPV-P. METHOD: A transversal observational study was performed with the objective of preceding the reproducibility test of one of the dimensions of the instrument. The sample was, by convenience, recruited in a sequence, among teachers with vocal disorders that looked for speech therapy treatment in a public hospital in the city of São Paulo. The questionnaire was filled in during two moments, with a 15 day interval between its applications. The variables where analyzed in a descriptive manner compared considering test and re-test through Kappa (p <0,05), to evaluate the concordance between the results of both instrument applications. RESULTS: The population was made up of 36 teachers of the public school of São Paulo city, the majority married (47,2%), with a college graduation (91,7%), between 11 and 20 years of professional experience (55,7%), that teach in pre-school (61,1%), work for more than 40 hours a week (27,8%), in only 1 school (58,3%) and with a defined class (80,6%). Regarding vocal symptoms, the highest measure of reliability was deep voice (k = 0,74) and the lowest, hoarseness (k = 0,52). Concerning the laryngopharyngeal sensations, the measure that presented highest level of reliability was pain while speaking (k = 0,59) and the lowest was hem (k = 0,36). In vocal habits at work, what presented highest measure of reliability was drinking water during class (k = 0,88) and what registered lowest measure of reliability was speaking in an open space (k = 0,41). In the vocal aspects of diverse nature, the highest level of reliability registered was missing work due to voice problems (k = 0,86) and what presented the lowest level was having received orientation about vocal health (k = 0,54). CONCLUSION: The results indicated that the dimensions of the vocal aspects of the questionnaire (CPV-P) presented in the reproducibility test and re-test study, concordance level between regular and excellent. The majority of the Kappa coefficients, for the items analyzed in the questionnaire, where higher than 0,50 and the results indicated that these symptoms/sensations and habits are trustworthy for epidemiological studies
Palavras-chave: Reprodutibilidade dos testes
Questionário
Voz
Docentes
Reproducibility
Questionnaire
Voice
Teachers
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::FONOAUDIOLOGIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Fonoaudiologia
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Fonoaudiologia
Citação: Esteves, Adriana Aparecida Oliveira. Reproducibility analysis of self-reference of vocal characteristics in the Conditions of the Vocal Production CPV Questionnaire. 2010. 80 f. Dissertação (Mestrado em Fonoaudiologia) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2010.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/12256
Data de defesa: 23-Feb-2010
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Fonoaudiologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Adriana Aparecida Oliveira Esteves.pdf1,32 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.