???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/12192
Tipo do documento: Dissertação
Título: Processamento auditivo (central): o discurso de um grupo de fonoaudiólogos
Título(s) alternativo(s): (Central) auditory processing: the speech of a group of speech-language pathologist/audilogist
Autor: Rocha, Camila de Almeida 
Primeiro orientador: Santos, Teresa Maria Momensohn dos
Resumo: O processamento auditivo (central) é a eficiência e a eficácia com que o sistema nervoso auditivo central utiliza a informação auditiva, da sua recepção até a sua análise. Mecanismos perceptuais, cognitivos e lingüísticos influenciam no reconhecimento, na decodificação e na interpretação dessa informação auditiva. Por ser uma atividade cerebral, é capaz de associar o sinal acústico ao seu significado lingüístico. Esse processo altamente complexo de vias neurais pode ser afetado por inúmeras condições inerentes ao seu desenvolvimento e afecções sofridas. Desta forma, a avaliação do processamento auditivo (central), assim como todos os seguimentos que por ela perpassam, representa um desafio para o profissional envolvido. A Neurociência contribui para a área de processamento auditivo (central), pois busca a compreensão do sistema nervoso e seu desenvolvimento. Diante da necessidade de definição e reorientação das práticas de cuidados com os distúrbios da comunicação humana, o que engloba o TPA(C), inseridas nesse novo paradigma da Neurociência, considera-se relevante investigar as concepções e o contexto da área em expansão. Objetivo: elaborar o discurso do sujeito coletivo a partir das idéias centrais apresentadas por um grupo de fonoaudiólogas. Método: esta pesquisa contou com a participação de oito fonoaudiólogas que atuam na área de avaliação e/ou terapia do processamento auditivo (central). As fonoaudiólogas foram entrevistadas a partir de seis temas norteadores: processamento auditivo (tema 1), desordem do processamento auditivo (central) (tema 2), audição e linguagem (tema 3), percepção (tema 4), bateria de testes e padronização (tema 5) e diagnóstico diferencial (tema 6). Foi utilizado método qualitativo baseado no Discurso do Sujeito Coletivo de Lefèvre. As entrevistas foram gravadas e posteriormente transcritas. Resultado: construídos os discursos a partir das expressões-chave de cada tema, foram detectadas idéias centrais. Quanto ao tema 1: processos: ocorrem desde a orelha até o cérebro , o que fazemos com o que ouvimos e área em expansão ; quanto tema 2: nomenclatura , dificuldade em uma ou mais das habilidades auditivas , associado ou não a outros transtornos , impactos X compensações ; quanto ao tema 3: ver o sujeito como um todo , audição: sensação e linguagem: simbolismo , audição: via preferencial para a linguagem oral , audição: via importante para o desenvolvimento da linguagem e surdo: prejuízo no desenvolvimento da linguagem oral ; quanto ao tema 4: entrada de qualquer informação sensorial e representação interna das sensações ; quanto ao tema 5: escolha dos testes e procedimentos , regras fixadas e padronização no Brasil e quanto ao tema 6: diferenciar patologias com os mesmos sintomas (comorbidades) e equipe multidisciplinar . Conclusão: a junção dos seis temas propostos foi organizada em um único discurso como se apenas um único fonoaudiólogo estivesse falando acerca do processamento auditivo (central) e suas implicações
Abstract: The (central) auditory processing is the efficiency and effectiveness with which the central auditory nervous system processes the sounds, from its reception to its interpretation. Perceptual, cognitive and linguistic mechanisms have an influence on recognizing, decoding and interpreting the information heard. Because it consists of a cerebral activity, it is able to link the acoustic signal to its linguistic meaning. This highly complex process of neural pathways can be affected by several conditions inherent to its development and suffered illnesses. Therefore, the assessment of (central) auditory processing and all the segments through which it evolves represent a challenge to the professional involved. The Neuroscience contributes to the area of (central) auditory processing, once it attempts to comprehend the nervous system and its development. Given the necessity of definition and guidance on the practical care of human communication disorders, which includes the (central) auditory processing disorder (C)APD, incorporated to this new paradigm of Neurosciences, it is considered relevant to investigate the concepts and the context of this expanding field. Objective: To prepare the speech of the collective subject starting from the central ideas presented by a group of speech-language pathologist/audiologist. Method: this research counts with the participation of eight speech-language pathologist/audiologists who work in the field of evaluation and/or therapy of (central) auditory processing. They have been interviewed about six central themes: auditory processing (theme 1), (central) auditory processing disorder (theme 2), hearing and language (theme 3), perception (theme 4), set of tests and standardization (theme 5) and differential diagnosis (theme 6). The qualitative method has been used based on the Collective Subject Speech of Lefèvre. The interviews have been recorded and then transcribed. Result: After the construction of speech from key expressions of each subject, central ideas have been identified. In relation to theme 1: "processes: take place from the ear to the brain", "what we do with what we hear" and "expanding area". In relation to theme 2: "nomenclature", "difficulty in one or more of the hearing skills", "related or not to other disorders", "impacts X compensation . In relation to theme 3: "to see the subject as a whole", "hearing: sensation and language: symbolism , "hearing: the preferable way to the oral language", "Hearing: a significant way to the language development" and "deaf: damage in the development of oral language". In relation to theme 4: "the entrance of any sensory information" and "internal representation of feelings. In relation to theme 5: "selection of tests and procedures", "established rules" and "standardization in Brazil". In relation to theme 6: "to differentiate diseases with the same symptoms (comorbidities) and "multidisciplinary team". Conclusion: the assembling of the six proposed themes have been organized in a single speech as if only one speech-language pathologist/audiologist were talking about (central) auditory processing and its implications
Palavras-chave: Transtornos da audição
Hearing
Auditory perception
Hearing disorders
Audicao
Disturbios da audicao
Percepcao auditiva
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::FONOAUDIOLOGIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Fonoaudiologia
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Fonoaudiologia
Citação: Rocha, Camila de Almeida. Processamento auditivo (central): o discurso de um grupo de fonoaudiólogos. 2008. 183 f. Dissertação (Mestrado em Fonoaudiologia) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2008.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/12192
Data de defesa: 19-May-2008
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Fonoaudiologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Camila de Almeida Rocha.pdf754,42 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.