Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/12172
Tipo do documento: Dissertação
Título: Hábitos alimentares de idosos institucionalizados: uma visão fonoaudiológica
Autor: Matsuda, Rosângela Nair Tironi
Primeiro orientador: Russo, Ieda Chaves Pacheco
Resumo: A população de idosos no Brasil deverá dobrar nos próximos 25 anos, assim como o brasileiro passará a viver 23 anos a mais do que em 1960. Por ser esta uma questão de relevância, o presente estudo teve como objetivo conhecer os hábitos alimentares e descrever o modo como se processam as funções de mastigação e deglutição, em uma população de idosos saudáveis de duas instituições asilares no município de Pirassununga, Estado de São Paulo. Para o levantamento dos dados sobre os hábitos alimentares, foram realizadas entrevistas com a pessoa responsável pela alimentação dos moradores de cada instiuição e com os próprios idosos; para obtenção dos dados sobre as funções, foi realizada uma avaliação fonoaudiológica. os resultados nos permiram concluir que idosos saudáveis mantêm os mesmos hábitos alimentares que individuos mais jovens, bem como apresentam suas funções de mastigação e degltição preservadas e, quando encontradas alterações nos hábitos e nas funções, são decorrentes da falta de dentes na boca, do uso de dentaduras e /ou de doenças. Considerando o crecimento da população de idosos, a necessidade na melhoria dos serviços de saúde, e a carência de conhecimentos da Fonoaudilogia na área da Gerontologia, esperamos que este trabalho contribua para melhorar a qualidade de vida dos idosos e incentivar mais fonoaudiólogos a atuarem com esta populção
Abstract: The Brazilian elderly population must double in the next 25 years as well as the Brazilian people will live 23 years more than in 1960.Due to this relevant problem, this study has as a purpose, to know the feeding habits and to decribe the way how the chewing and swallowing functions process themselves in a healthy, elderly population from two Nursing Homes in Pirssununga county, São Paulo state.Checking out the data about the feeding habits, we have done interviews with the nurses in charge of resident feeding of each place and, with the own elderly people: to get the data about the functions, it was performed a phonoaudiologial evaluation. The results led us to the conclusion of, the healthy elderly people maintain the same feeding habits of the younger people,as well as they have thaier chewing and swallowing functions preserved, and when habits and function's disorders are found, these changes are due to the lack of teeth in the mouth, the o]use of denture, and/or illness. Considering the increasing in the elderly population number, the necessity of offering better health services, and the lack of phonoaudiological knowledge in the field of Gerontology, we hope that this report contributes to get better quality of life for the elderly, and motivates more phoaudiologists to study and deal with this population
Palavras-chave: Idosos -- Cuidado institucional.
Habitos alimentares
Alimentacao dos idosos
Instituicao asilar
Mastigacao
Degluticao
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::FONOAUDIOLOGIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Fonoaudiologia
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Fonoaudiologia
Citação: Matsuda, Rosângela Nair Tironi. Hábitos alimentares de idosos institucionalizados: uma visão fonoaudiológica. 2001. 130 f. Dissertação (Mestrado em Fonoaudiologia) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2001.
Tipo de acesso: Acesso Restrito
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/12172
Data de defesa: 30-Dez-2001
Aparece nas coleções:Programa de Estudos Pós-Graduados em Fonoaudiologia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Rosangela Nair Tironi Matsuda.pdf11,99 MBAdobe PDFThumbnail

Baixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.