???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/12019
Tipo do documento: Tese
Título: Estrutura clínica fonoaudiológica: modelo de articulação sujeito e linguagem na determinação dos sintomas fonoaudiológicos
Título(s) alternativo(s): Structure speech clinic: joint model of subject and language in the determining of speech therapy symptoms
Autor: Silva, Gisele Gouvêa da 
Primeiro orientador: Freire, Regina Maria Ayres de Carvalho
Resumo: Esta tese foi formulada em torno a uma série de questões que têm sido objeto de investigação da estrutura clínica fonoaudiológica, reunidas em uma espécie de desafio a desvendar: quais são as condições epistemológicas e práxicas para autonomizar a semiologia e a diagnóstica fonoaudiológica e, consequentemente, reinventar o seu método de tratamento? Para lidar com essas questões, optou-se por retornar a Demóstenes e estabelecer a formalização das diferentes funções lógicas, éticas e retóricas assumidas na história de superação da sua gagueira, na invenção de sua cura e nas estratégias discursivas empregadas diante do falar em público. Delimitar as características específicas da posição ocupada por Demóstenes como gago, como clínico e depois como orador representa uma estratégia de investigação sobre o lugar de captura do fonoaudiológo, do sujeito e do social, no campo da fala e da linguagem. A construção do caso clínico teve como suporte a versão contada por Plutarco e alguns discursos proferidos por Demóstenes, entre eles: Oração da Coroa (IV a.C.), que o consagra como grande orador da Antiguidade. Retornar a Demóstenes representou a possibilidade de tornar visíveis os mecanismos do seu método de tratamento para a emergência da clínica fonoaudiológica tal como a conhecemos hoje, pela qual se deduz a experiência prática e os limites da estratégia clínica. Acompanhamos, no caso de Demóstenes e na história dos principais movimentos de aproximações e distanciamentos da clínica fonoaudiológica à clínica médica, à psicológica e à psicanalítica e propusemos um modelo de entendimento da articulação sujeito e linguagem na determinação de sintomas fonoaudiológicos. Tendo isso em vista, formulamos um modo integrativo de reunir as diferentes exigências necessárias para repensar a diagnóstica e a intervenção clínica fonoaudiológicas, em relação a outros casos clínicos descritos na literatura. Para verificar hipóteses etiológicas, diagnósticas e terapêuticas, utilizamos como base de fundamentação linguística a análise estrutural da linguagem desenvolvida por Saussure, aprimorada por Jakobson e a inserida pela concepção de aquisição de linguagem proposta por De Lemos e, ainda, a teoria do sujeito em Lacan. Para finalizar, discutimos a autonomização do modelo de sintomas de linguagem e indicamos direções possíveis de reinvenção do raciocínio diagnóstico e método clínico, na articulação entre sujeito e linguagem
Abstract: This thesis was formulated around oodles of issues that have been the subject of research in speech therapy clinic structure which were gathered in a challenge to unravel: what are the epistemological and praxis conditions to empower the symptomatology and the speech diagnostic and thus reinvent its method of treatment? To care about these questions, it was decided to return to Demosthenes and establish the formalization of different logical, ethical and rhetorical functions that were assumed in overcoming its history of his stuttering, the invention of his healing and discursive strategies applied on public speaking. Define the specific characteristics of the position occupied by Demosthenes as stuttering, as a clinician and after as a speaker, represents a strategy for research on the place of capture of the speech therapist, the subject and the social in the field of speech and language. The construction of the clinical case had as support the version told by Plutarch and the speech by Demosthenes: Prayer of the Crown (BC), which enshrines the last as the great orator of antiquity. It was necessary to return to Demosthenes because it represented the possibility of making visible the mechanisms of their treatment method for the emergence of the speech therapy clinic as we know it today, in which it follows the practical experience and the limits of clinical strategy. After followed in the case of Demosthenes and in the history of the main movements of similarities and differences of speech therapy clinic to medical clinic, to the psychological and to the psychoanalytic clinic, we proposed a model of understanding of the subject articulation and language in determining speech therapy symptoms. With this subsidy, we made up an integrative way to meet the different requirements necessary to rethink the diagnostic and the speech therapy clinic intervention in relation to other clinical cases described in the literature. To verify etiological hypotheses, diagnostic and therapeutic, was used as the basis of linguistic reasons the structural analysis of language developed by Saussure, improved by Jakobson and inserted in the design of language acquisition proposed by De Lemos, and still the theory of the subject in Lacan. Finally, we discuss the process of autonomy of the symptoms language model, and we indicate the possible directions of reinvention of diagnostic reasoning and clinical method on the relationship between subject and language
Palavras-chave: Patologia da fala e da linguagem
Gagueira
Reabilitação dos transtornos da fala e da linguagem
Diagnóstico
Sinais e sintomas
Speech
Language and hearing Ssciences
Speech-language pathology
Stuttering
Rehabilitation of speech and language disorders
Diagnosis
Signs and symptoms
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::FONOAUDIOLOGIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Fonoaudiologia
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Fonoaudiologia
Citação: Silva, Gisele Gouvêa da. Structure speech clinic: joint model of subject and language in the determining of speech therapy symptoms. 2015. 228 f. Tese (Doutorado em Fonoaudiologia) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2015.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/12019
Data de defesa: 30-Apr-2015
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Fonoaudiologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Gisele Gouvea da Silva.pdf2,15 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.