???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/1186
Tipo do documento: Dissertação
Título: Trabalho e educação báasica de jovens e adultos: uma avaliação de como os trabalhadores são remunerados de acordo com as diferentes opções de estudo
Autor: Alvarez, Thiago Lobato
Primeiro orientador: Hoyos Guevara, Arnoldo José de
Resumo: O mundo do trabalho passa por profunda transformação. As novas tecnologias e o avanço da sociedade do conhecimento apontam para um futuro em que o mercado exigirá trabalhadores cada vez mais qualificados. Apesar disso, 60% da população brasileira com quinze anos ou mais não tem o ensino fundamental completo (antigo 1º grau, equivalente a oito anos de estudo) e existem ainda cerca de 16 milhões de brasileiros que não sabem ler ou escrever. Levando em consideração essa realidade, o objetivo desta pesquisa foi analisar como o mercado de trabalho remunera as diferentes opções de estudo para os jovens e adultos que não completaram o ensino médio (antigo 2º grau, equivalente a 11 anos de estudo). Para isso, foram utilizados os microdados da Pesquisa Mensal de Emprego (realizada pelo IBGE) do período de janeiro de 2003 a outubro de 2005. Foi possível constatar que trabalhadores que decidem freqüentar o ensino fundamental têm rendimentos inferiores aos dos trabalhadores que não estudam. O fator que mais parece determinar a renda de trabalhadores que têm até quatro anos de estudo é a alfabetização. Por fim, os alunos que freqüentaram cursos regulares apresentaram rendas iguais ou ligeiramente superiores aos rendimentos dos alunos do curso supletivo, em todos os níveis de ensino. Com base nesses dados, este trabalho discutiu suas possíveis implicações para as políticas públicas. Ao final da pesquisa quantitativa também foram realizadas entrevistas, que buscaram contextualizar melhor a relação entre trabalho e educação de jovens e adultos (EJA). Por meio dessas entrevistas, foi possível analisar os conflitos inerentes a essa relação.
Abstract: Today s labor market is going through a deep transformation. New technologies and the advance of the knowledge society point to a future in which the market will require increasingly qualified workers. In spite of this fact, 60% of the Brazilian population aged fifteen or more has not completed primary school (equivalent to eight years of studies) and approximately 16 million Brazilians cannot read or write. With this in mind, the purpose of this research was to analyze how the labor market values, through monthly earnings, the different options of study for youths and adults who did not complete secondary school (equivalent to 11 years of study). For this, data of the Pesquisa Mensal de Emprego (Monthly Employment Research, made by the Brazilian Institute of Geography - IBGE) were used, in the period from January 2003 to October 2005. It was possible to verify that workers without schooling who decide to study have lower earnings than workers who do not study. Being able to read and write is the most valued characteristic in the labor market for workers with up to four years of study. Finally, students who attended regular courses showed equal or slightly higher earnings than students attending courses specially designed for those young and adults that have not concluded school at the appropriate age. Based on these data, this work discusses the possible implications in public policies. Interviews were also made at the end of the quantitative research, trying to better understand the relation between work and education of youths and adults. These interviews enabled an analysis of the conflicts that are inherent to this relation
Palavras-chave: Qualificação profissional
Remuneração
Professional qualification
Remuneration
Emprego -- Brasil
Mercado de trabalho -- Brasil
Juventude -- Emprego -- Brasil
Salarios
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ADMINISTRACAO
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Administração
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Administração
Citação: Alvarez, Thiago Lobato. Trabalho e educação básica de jovens e adultos: uma avaliação de como os trabalhadores são remunerados de acordo com as diferentes opções de estudo. 2006. 167 f. Dissertação (Mestrado em Administração) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2006.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/1186
Data de defesa: 18-Oct-2006
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Administração

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ADM - Thiago L Alvarez.pdf651,17 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.