???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/10447
Tipo do documento: Dissertação
Título: A invenção do aluno: a implantação do Primeiro Gymnasio da Capital, em São Paulo (1894-1917)
Autor: Cabral, Maria Aparecida da Silva 
Primeiro orientador: Munakata, Kazumi
Resumo: Esta pesquisa situa-se no período que conhecemos como Primeira República, momento em que ocorreu uma expressiva expansão do ensino em São Paulo. Cenário este, que transformou a escola num poderoso instrumento da ação dos governantes paulistas para a realização e concretização de uma proposta de modernização no campo educacional. Assim como a escola foi um palco privilegiado pelos republicanos, seus sujeitos também foram objeto de intervenção. Desse modo, pretende-se investigar no Primeiro Gymnasio da Capital, o surgimento de um novo personagem: o aluno; bem como verificar, a partir da construção das normas disciplinares, as diferentes estratégias de controle adotadas por esta instituição em seu processo de legitimação. Na perspectiva de construir um olhar que se desloque das reformas educacionais para os questionamentos voltados aos aspectos internos da instituição escolar, esta investigação procura contribuir para desvelar uma dimensão pouco explorada nos estudos na área da História da Educação - as práticas escolares. Temos como objetivo, revelar que o espaço escolar é constituído de resistências, adaptações e transgressões pelos seus sujeitos. Portanto, utilizamos uma documentação que possibilitou a reconstrução da trajetória desses alunos tais como: ofícios enviados aos pais, relatórios sobre o comportamento disciplinar, boletins de notas, livros de matrícula, livro de frequência e atas da congregação do Primeiro Gymnasio da Capital. E para adentrarmos nos pensamentos e nas práticas pedagógicas que circulavam e orientavam as práticas das escolas, analisamos o Regulamento da Instrução Pública (1892) e o Regulamento dos Gymnasios do Estado de São Paulo (1895)
Abstract: This reseach dates from the period known as the First Republic, When happened, an expressive Ipreading of theaching in São Paulo. This was also the stage which transformed the school in a powerful tool of acting fram the goverments of São Paulo, in order to aceomplish and make real a proposal of modernization. This way, as the school was the privileged stage of the republicans, its subjects were also cause of intervention. So, one intends to search, at the first gymnasium of the Capital, the origin of a new personage: the pupil; as well as to verify, Starting from the construction of disciplinary norms, as well as different strategies. control, adopted by this institution in the process of its legitimacy. In the prospect of constructing a look that moves itself, from the educational reforms to the questioning in view of the internal feature of the scholar institution. This inquiry trys to contribute to unveil a dimension not much exploited in the studies, in the arece of the Education History - the scholar practices. We have as dim to reved that the scholar space is constituted by resistances, adjustments, infringements by its subjects. By this way, we utilized a documentation that made possible the rebuilding of the trajectory of these scholars: official letters sent to the parents reports about the disciplinary behave marks bulletins, registration books frequency book, the first gymnasium of the Capital Congregations Ata, and to go inside the thoughts and pedagogical practices, which circulated and guided the Scholar practices me analized the Public teaching Rule (1982), and the Gymnasium' s Rule of the State of São Paulo (1985)
Palavras-chave: Educação na antiguidade
Ensino público paulista
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO::TOPICOS ESPECIFICOS DE EDUCACAO
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Educação
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação: História, Política Sociedade
Citação: Cabral, Maria Aparecida da Silva. A invenção do aluno: a implantação do Primeiro Gymnasio da Capital, em São Paulo (1894-1917). 2002. 204 f. Dissertação (Mestrado em Educação) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2002.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/10447
Data de defesa: 30-Nov-2002
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação: História, Política Sociedade

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Maria Aparecida da Silva Cabral.pdf7,86 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.