???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/10372
Tipo do documento: Dissertação
Título: A história de Antoine Doinel: um estudo sobre a formação
Autor: Braga, Ive
Primeiro orientador: Sass, Odair
Resumo: A presente pesquisa analisa o processo de formação do indivíduo durante sua trajetória nas instituições. Para tanto, foram tomadas como fonte de informações e analisadas passagens de cinco filmes realizados pelo diretor de cinema francês François Truffaut, a saber: Os Incompreendidos (1959), Antoine e Colette (1962), Beijos Proibidos (1968), Domicílio Conjugal (1970), Amor em Fuga (1979). Tais filmes retratam a história de Antoine Doinel personagem autobiográfico protagonista desta série de filmes vivida em diferentes instituições: família, escola, reformatório, prisão, exército e demais grupos responsáveis por sua socialização. Com o intuito de explorar a formação do indivíduo em sua objetivação na obra de arte, o referencial teórico adotado para elaboração deste estudo é a Teoria Crítica da Sociedade, utilizando-se, principalmente, os conceitos de indivíduo, família, sociedade, formação, pseudoformação desenvolvidos por Theodor W. Adorno e Max Horkheimer. A sociedade objetivada na obra de arte permitiu à investigação constatar que o indivíduo não pode existir de acordo com sua autodeterminação. A formação por meio de instituições é permeada por experiências empobrecidas baseadas em métodos punitivos e coercitivos que visam a padronização à ordem estabelecida e o controle social; impingindo marcas profundas no indivíduo que pouco dispõe de alternativas para resistir à regras determinadas de antemão pela supraestrutura. Tal apropriação do indivíduo das relações sociais de dominação reproduz as características da cultura na sociedade administrada: a pseudoformação. A recusa de Antoine Doinel em aderir às formas estabelecidas da sociedade reflete uma relação negativa com a realidade existente, apontando para a possibilidade de superação dessa realidade
Abstract: The following research analises the individual formation s process during its trajectory in the institutions. In order to do that, were taking in consideration as sources of information and analized excerpts of five films made by the french director François Truffaut, namely: The Four Hundred Blows (1959), Antoine and Colette (1962), Stolen Kisses (1968), Bed and Board (1970), Love on the Run (1979). They portray the story of Antoine Doinel autobiographical character who stars these series of films lived among different institutions: Family, school, reformatory, prison, army and other groups responsible for his socialization. With the purpose of exploring the formation of the individual in its objectivation in the work of art, the theoretical framework adopted to build this study is The Critical Theory of Society, using, mainly, the concepts of individual, family, society, formation and so-called formation developed by Theodor W. Adorno and Max Horkheimer. The society objectvated in the work of art has allowed the investigation to find that the individual cannot exist in the society accordind to its self-determination. The formation by means of institutions is permeated by impoverished experiencies based in punishing and coercive methods that aim the standardization to the stablished order and social control, enforcing deep marks in the individual who has little alternatives to resist to the rules formerly determined by the suprastructure. Such appropriation of the individual in the social relationships of domination reproduces the characteristics of culture in the managed society: the so-called formation. The refusal of Antoine Doinel in adhering to the forms established by society reflects a negative relationship with the existing reality, poiting to the possibility of overcoming it
Palavras-chave: Antoine Doinel
Arte
Filme
Instituições
Formação
Teoria crítica da sociedade
Art
Film
Institutions
Formation
Critical theory of society
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO::TOPICOS ESPECIFICOS DE EDUCACAO
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Educação
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação: História, Política Sociedade
Citação: Braga, Ive. A história de Antoine Doinel: um estudo sobre a formação. 2012. 158 f. Dissertação (Mestrado em Educação) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2012.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/10372
Data de defesa: 10-Sep-2012
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação: História, Política Sociedade

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Ive Braga.pdf992,72 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.